Arquivo da tag: tradução certificada

O que você precisa saber sobre o Common App

Quem quer fazer graduação nos Estados Unidos vai precisar preencher vários formulários, com informações acadêmicas e pessoais, já que as universidades querem saber mais de você do que as suas notas em provas.

A ideia do Common Application (carinhosamente apelidado de Common App) é facilitar o processo de candidatura. Ele reúne várias das peças do seu application.

Por isso, se você quer ter uma candidatura forte e competitiva, é importante entender como ele funciona.

Continuar lendo O que você precisa saber sobre o Common App

Starting fresh: curso de inglês e mestrado

Quem acompanha o nosso blog e a nossa Newsletter sabe que, no nosso escritório, além de sempre ficarmos felizes em orientar e apoiar os candidatos brasileiros no processo de admissão para estudar nos EUA, todos adoramos saber das admissões e dos bons resultados que vêm daí.

Isso não é só por um retorno positivo sobre o nosso trabalho, mas por saber da experiência única de cada um que estuda lá, além de podermos transmiti-la aos candidatos que ainda não foram. Quando pedimos para o Rafael Nani, que estudou inglês na Associação Alumni e foi orientado pelo Alumni Advising-EducationUSA, nos mandar notícias de Los Angeles, onde ele foi fazer um curso de inglês para depois cursar o seu Master of Fine Arts em Filmmaking na New York Film Academy, não deveríamos ter esperado que ele respondesse de outra forma senão em um vídeo! Continuar lendo Starting fresh: curso de inglês e mestrado

Ciência sem Fronteiras: graduação-sanduíche

Quem sonha com a experiência acadêmica internacional nos Estados Unidos e não pode arcar com todos os custos tem uma excelente chance de realizar esse sonho pelo programa com a bolsa do governo!

O programa que busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional.

Os benefícios incluem:

Quem quiser pode ver os valores dos benefícios mais detalhadamente aqui.

  • Bolsa mensal;
  • Auxílio-Instalação;
  • Auxílio material didático;
  • Passagens aéreas;
  • Seguro Saúde.

A bolsa costuma ter a duração de 12 meses, mas também pode se estender quando incluir um curso de idioma, a depender da chamada.

Parece uma excelente uma oportunidade, não? Então fique atento:

A meta do programa é passar de 100.000 bolsas, mas todos os candidatos participam de uma seleção. Quem não quer perder essa chance precisa ficar atento às chamadas e aos requisitos dos editais para não ter sua candidatura indeferida.

As exigências para todas as chamadas de graduação são:

  • Ser brasileiro ou naturalizado;
  • Ter tirado uma nota global no ENEM de no mínimo 600 pontos em exames realizados a partir de 2009;
  • Apresentar teste de proficiência em inglês no exame aceito pela instituição de destino;
  • Estar regularmente matriculado em uma instituição de ensino superior do Brasil nos cursos relacionados às áreas contempladas;

    Alunos da área de saúde devem verificar as exigências específicas de cada uma das chamadas

  • Ter cumprido com no mínimo 20% e no máximo 90% do currículo previsto para o curso no Brasil;
  • Ser homologado pela instituição de ensino superior de origem por mérito acadêmico.

Além disso, será dada prioridade aos candidatos que:

  • Receberam prêmios em olimpíadas científicas no país ou exterior;
  • Tiveram ou ainda estão usufruindo de bolsa de iniciação científica ou tecnológica do CNPq (PIBIC/PIBITI) ou do PIBID da CAPES.

But don’t panic!

Nas chamadas dos EUA, o aluno pode realizar o exame TOEFL-ITP gratuitamente através do Inglês sem Fronteiras. Para a seleção, tanto o TOEFL-ITP quanto o iBT serão aceitos.

Outra vantagem é que, aos selecionados que tiram entre 69 e 78 no TOEFL iBT ou entre 525 e 549 no TOEFL-IPT, será oferecida uma bolsa para realizar treinamento prévio de inglês de curta duração.

O prazo para inscrição nas chamadas nº 180/2014 e 196/2014, específicas para graduação-sanduíche nos EUA, vai até 29 de setembro, então não perca tempo, leia os editais e inscreva-se aqui!

Se você ficar com dúvidas, qualquer interlocução com o programa Ciência sem Fronteiras, inclusive para candidatos com dificuldades no acesso ao formulário de inscrições, deverá ser realizada via protocolo do programa, no Fale Conosco.

Common Application

A chamada nº 180/2014 do programa usa uma plataforma própria do IIE (Institute of International Education) chamada de Common Application Form, para preenchimento de formulários e upload de arquivos. Embora tenham o mesmo nome, essa plataforma não é aquela que quem está aplicando diretamente às universidades americanas para graduação costuma usar, The Common Application.

O preenchimento completo e a anexação de todos os documentos obrigatórios deve ser feita até o dia 3 de novembro, mas entre 9 de outubro e 28 de outubro, serão oferecidas orientações onlines para falar sobre o preenchimento. Veja abaixo as datas:

09 de Outubro – (Quinta-Feira)- 13:30
16 de Outubro – (Quinta-Feira) -11:00
20 de Outubro – (Segunda-Feira) -13:30
22 de Outubro – (Quarta-Feira) – 15:30
28 de Outubro – (Terça-Feira) – 11:00 – ÚLTIMA SESSÃO

Para participar, basta entrar nesse link nas datas e horários específicos das orientações: http://www.watchitoo.com/show/wqi-016 e entrar no link como “Guest” (“Sign in as Guest”)

E a tradução?

Entre os documentos exigidos está o histórico escolar de graduação traduzido.

Além de apoiar o programa de várias outras formas, nosso escritório também oferece traduções certificadas de documentos acadêmicos para instituições americanas, inclusive para candidatos pelo Ciência sem Fronteiras. A diferença dessa tradução para a juramentada é que ela tem um valor mais em conta, já que é válida apenas para instituições dos EUA, ao contrário da juramentada, que é reconhecida para qualquer finalidade oficial.

Mas cuidado para não deixar para a última hora: quanto maior o prazo da tradução, menor o valor. Para mais informações, envie um e-mail com o seu documento para advising.trad@alumni.org.br

Quem já é graduado e quer fazer doutorado nos EUA também pode ter bolsa também.

Para as modalidades de doutorado pleno e doutorado-sanduíche do programa, veja mais informações!